João Pessoa – Aqui o sol nasce primeiro.

passagem aerea

Existem cidades em nosso país que merecem ser mais e melhor faladas como é o caso de João Pessoa , capital da Paraíba. Atrativos não faltam por lá, e nem mesmo a hospitalidade que vem de seu povo.

Seu desenvolvimento teve um processo um tanto quanto diferente das outras cidades litorâneas. A exploração aconteceu de dentro para fora, ou seja, desde o Rio Paraíba, em seu interior, até seu litoral. É definida por seus moradores como uma típica cidade de interior, mas com praia, onde muito se pode fazer a pé, como passear tranquilamente por suas ruas durante a noite e ainda gozar de uma estada mais econômica com relação a outras capitais brasileiras, devido ao seu baixo custo de vida.

As praias não são poluídas, não tem pedras, as águas são calmas e mornas e peixinhos marcam presença em suas piscinas naturais. Você nem precisa fugir das sombras dos prédios, pois graças a uma lei, não é permitido construir prédios maiores de 3 andares na orla. Eles estarão presentes em maior altura apenas à medida que adentram a cidade. E isso faz com que a brisa do mar circule por toda a cidade, oferecendo assim um clima mais agradável aos moradores e visitantes.

Esta é uma cidade que definitivamente deve estar no topo da lista do turista que quer visitar um destino com estrutura de capital, mas ares de vilarejo. João Pessoa é um recanto do Brasil onde o sol nasce primeiro, igrejas barrocas adornam o centro histórico com suas ruas de paralelepípedos, trilhas de Mata Atlântica atraem os apaixonados pela natureza e onde os tons de verde, amarelo e anil pintarão suas férias por lá de uma forma alegre, encantadora e inesquecível.

João Pessoa, Paraíba 1
Onde fica

João Pessoa é a capital da Paraíba (estado brasileiro nordestino) e encontra-se na região litorânea desse estado. A cidade possui cerca de 24 Km de extensão de praias de areias brancas que vai, praticamente, desde a Praia do Cabedelo até a Praia do Conde.

Encontra-se na região mais oriental do Brasil e, portanto é comum ouvir que aqui, o sol nasce primeiro.

João Pessoa, Paraíba 2
Como chegar a João Pessoa

Se estiver em outros estados brasileiros, a opção mais cômoda e rápida de se chegar a essa cidade é de avião.

O desembarque deverá ser feito no Aeroporto Internacional Presidente Castro Pinto, no município de Bayeux, a aproximadamente 14 Km do centro de João Pessoa. No aeroporto você irá dispor de facilidades como lanchonete/restaurante, lojas, locadoras de veículos, serviço de taxis, estacionamento e informações turísticas. Para mais informações sobre o aeroporto, acesse www.infraero.gov.br

Se quiser saber quanto custa uma passagem para lá, acesse o Zupper Viagens e encontre a sua
passagem para João Passoa.

João Pessoa, Paraíba 3
Clima

João Pessoa possui temperaturas médias anuais de 26°C (tendo já registrado mínimas de 19°C e máximas de 32°C), com características de um clima úmido e quente praticamente todo o ano, que ganha um toque mais agradável graças à brisa que circula por toda a cidade, por conta dos prédios mais baixos de sua orla.

A única diferença mais marcante de clima é o período de chuvas entre Abril e Julho e o de ventos mais fortes, entre os meses de Agosto e Setembro.

Aqui o sol nasce geralmente por volta das 4:30h, e por conta disso, das 5h às 8h, todos os dias, sua orla é fechada e passa a funcionar como um calçadão para os moradores (e visitantes também).

João Pessoa, Paraíba 4
O que ver e fazer em João Pessoa

Veja abaixo algumas coisas bem interessantes para se fazer e ver pela capital da Paraíba.

Parque Solon de Lucena

Um parque público com uma bela lagoa natural, localizado no centro da cidade, onde o comércio se desenvolveu ao redor. Lá você encontrará belos jardins e barraquinhas de alimentação.

É considerado um dos cartões postais da cidade, com sua lagoa rodeada por palmeiras. É uma das áreas verdes da cidade, assim como o Jardim Botânico e o Parque Arruda Camara.

Artesanato

Como toda boa cidade do nordeste, o artesanato também é um dos pontos representantes desse destino, caracterizado pela utilização de rendas, cerâmica e marchetaria – arte ou técnica que visa acrescentar um efeito tridimensional a superfícies de madeira com a aplicação de alguns tipos de materiais, entre eles, a própria madeira de diferentes tonalidades.

Pode ser também que você encontre por lá produtos feitos de algodão que já nascem coloridos e são típicos da cidade de Campina Grande, interior da Paraíba. Nascem nas cores vermelho, marrom e bege e são considerados ecologicamente corretos. Uma inovação tecnológica.

Centro Histórico

Aqui é possível ver um pouco das diversas fases da história da cidade e mesmo da própria Paraíba, estampadas na arquitetura dos casarões que lá estão presentes, junto as antigas ruas de paralelepípedos.

Monumentos históricos como a Igreja de São Frei Pedro Gonçalves, Conjunto São Francisco e Hotel Globo (primeiro da cidade), são símbolos brasileiros da arquitetura barroca, colonial, rococó, entre outras.

Ponta do Seixas

Se João Pessoa localiza-se na porção oriental do Brasil, seu ponto mais extremo é a Ponta do Seixas, localizada na praia de mesmo nome, e considerado o Extremo Oriental das Américas. O ponto mais próximo à África.

Alí encontra-se um farol, única obra no nordeste do famoso arquiteto Oscar Niemeyer, que abriga a Estação Ciência, Cultura de Arte da cidade.

Praia de Tambaba

É a única praia oficial de naturismo do Brasil e muito provavelmente a primeira do Nordeste.
Está localizada no município de Conde, a aproximadamente 30 Km do centro de João Pessoa, e aqui, o naturismo é permitido por lei municipal.

É divida em duas partes por um morro natural, onde de um lado estão os naturistas e do outro, aqueles que preferem ficar vestidos. Uma parte não interfere na outra. E os homens não podem entrar desacompanhados se vierem a partir do lado não naturalista, atravessando o morro.

Seu nome possui dois significados na língua Tupi-Guarani: “O conteúdo das conchas” ou “Monte de Vênus).

Por duas vezes, nesta praia, aconteceu um campeonato de surf naturalista.

Por do Sol

O que é imperdível por aqui é o por do sol que acontece na Praia do Jacaré, circundada de barzinhos onde no momento em que o sol começa a se por, um saxofonista – Jurandy do Sax – aparece em uma canoa, contornando os trapiches dos bares e tocando o Bolero de Ravel para embalar o sol que se põe, enquanto todos se calam e os bares se silenciam para ouvir e assistir a esse momento mágico. Para finalizar, quando o sol já se pôs, o saxofonista fala ainda algumas palavras.

Picãozinho

São as piscinas naturais de João Pessoa, localizadas a pouco mais de 1 Km da margem da Praia de Tambaú. Uma espécie de arrecife por onde se tem acesso apenas em catamarã, e é possível, em suas águas mornas, observar, mergulhar e até mesmo alimentar os peixes coloridos que lá estão. É como um gigante ofurô.

Ilha de Areia Vermelha

Está localizada no litoral norte de João Pessoa. Quando a maré baixa, a ilha surge e muitos catamarãs aportam por lá levando turistas que vão para apreciar as piscinas naturais que se formam.

Leva-se de 10 a 20 minutos para chegar até lá e só consegue ver esse fenômeno, quem fica pelo menos 1 semana por lá. Menos tempo do que isso corre-se o risco de não assisti-lo.

Praia Fluvial do Jacaré

A praia encontra-se no estuário do Rio Paraíba. Por lá é possível fazer um passeio de lancha entre os igarapés (tendo a impressão de estar no Pantanal), apreciar um fim de tarde nos bares e restaurantes a sua margem e ainda apreciar o por do sol que falamos acima.

Praias

Muitas praias estão à disposição dos visitantes que por alí passam. Algumas delas, consideradas urbanas, com calçadões propícios para caminhadas são as Praia de Tambaú, Cabo Branco e Bessa. Esta última é a mais agitada das praias urbanas.

Mas existem ainda aquelas mais inexploradas, desertas e tranquilas, que são as praias do sul. Nessa região você poderá encontrar cenários de falésias e sossego, se isso é o que você procura. Lá estão as Praias de Coqueirinhos, Tabatinga, Praia Bela e mesmo a de Tambaba.

No litoral norte, onde acontece o encontro de mar e rios, existem algumas reservas indígenas e as Praia do Jacaré, Areia Vermelha, Praia de Lucerna e Praia de Barra de Camaratuba.

João Pessoa, Paraíba 5
Onde comer

João Pessoa é conhecida por ter o abacaxi mais doce e barato do Brasil. E por conta disso, é um grande exportador desse produto. Outros importantes itens de sua típica culinária são a tapioca, carne de sol e crustáceos. Em especial pratos com caranguejo, muito presente nos cardápios dos restaurantes, que ganham um sabor diferente e especial quando banhado em leite de coco.

Se quiser provar um pouco dessa gastronomia local, visite a Feirinha de Tambaú. Além do artesanato, oferece ainda os sabores da culinária nordestina.

Outras opções da culinária regional, você encontra nas praias de Manaíra e Bessa, assim como nos bares e restaurantes mais agitados da Praia de Tambaú.

João Pessoa, Paraíba 6
Dicas

Se visitar a cidade entre os meses de Setembro e Outubro não deixem de conferir os coloridos tapetes que se formam no chão das ruas, quando os ipês, roxos e amarelos, estão em todo o seu esplendor e forram a cidade com essas cores vibrantes. Até mesmo as pessoas que trabalham com a limpeza das ruas as mantêm no chão para enfeitar a cidade.

Outra dica é dar um passeio de bugue pelo litoral sul ou norte. Essa é uma boa forma de conhecer as belas paisagens das praias paraibanas.

Links externos

www.joaopessoa.pb.gov.br

João Pessoa

Seja o primeiro a comentar

Ninguem comentou ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Comente aqui

Pergunta de Segurança (CAPTCHA) *

    Destinos mais procurados

  1. Saiba aqui o que Buenos Aires tem de “tan querida”
  2. Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK) – New York
  3. Dicas de como preparar sua bagagem de mão em uma viagem internacional de longa duração
  4. Conheça a cidade de Londres
  5. Fortaleza, Ceará
  6. Lugares para curtir a neve em Julho