Viagem para Nova York

Em outubro de 2013, depois de pegar uma corzinha em Miami e viver o inesperado ShutDown em Washington, nosso mascote Zuppy seguiu para uma das mais importantes e eletrizantes metrópoles do mundo. Foi visitar a famosa Big Apple, a cidade de Nova York.

Nova York 1
Onde fica

Nova York é a cidade mais populosa dos Estados Unidos e encontra-se na porção leste do continente. E ao contrário do que todos pensam, apesar das atrações turísticas se concentrarem em Manhattan, fazem parte dela também, regiões (boroughs) como Bronx, Queens, Brooklyn e Staten Island.

Nova York 2
Como chegar

Assim como Miami e Orlando, Nova York é um dos destinos norte americanos para onde existe uma grande oferta de voos. Companhias como Tam, Delta, American Airlines, Us Airways, Copa Airlines, United e outras, operam esse destino e nos meses passados, vimos acontecer algumas promoções de passagens para Nova York. E muitas pessoas conseguiram aproveitar!

É importante saber que existe mais de um aeroporto em Nova York. E os mais utilizados são o JFK (John F. Kennedy International Airport), Newark Liberty International Airport e LaGuardia Airport.

O JFK, por exemplo, é o mais importante deles e possui o maior tráfego de passageiros. Por conta disso oferece uma excelente estrutura aos viajantes como lojas, restaurantes, porta bagagem e opções de transfer para Manhattan. Tempos atrás, escrevemos um post falando só sobre ele. Caso queira saber mais sobre como sair do Aeroporto JFK e chegar a Manhattan, acesse nosso post sobre o Aeroporto Internacional John F. Kennedy.

Agora, se você está pensando em visitar New York City e quer saber quanto custa uma passagem para lá, acesse a Zupper Viagens, selecione suas datas e pesquise a sua passagem para Nova York.

Porém, se você já está nos Estados Unidos e gostaria de outras opções, que não o aéreo, saiba que dependendo de onde estiver, o trem ou ônibus rodoviário podem ser ótimas opções.

Antes de Nova York, o Zuppy estava em Washington. E durante suas pesquisas prévias de viagem, sobre como chegar à cidade, descobriu que com a Amtrak poderia ir de trem e com empresas como Peter Pan, Mega Bus e Greyhound, poderia ir de ônibus. A escolha acabou sendo pela Greyhound e o ponto de chegada foi Port Authority Bus Station, próxima à Times Square e onde conseguiria seguir de metrô para outros cantos da ilha.

Nova York 3
Como se locomover

É verdade que a cidade também possui ônibus coletivos, mas o primeiro e segundo lugar dos meios de transportes mais utilizados vão respectivamente para o metrô (MTA subway) e os nova-iorquinos taxis amarelos.

Comecemos pelo metrô! Ele pode ser confuso à primeira vista, mas você vai entender como funciona.

A primeira coisa a saber é que dependendo do número de dias que passar na cidade, o Metro Card vai ser a melhor e mais econômica opção para você. Você pode adquiri-lo por um período de 7 dias, com um número ilimitado de viagens de metrô e ônibus locais por um preço fixo. Para saber quanto custa, acesse MTA Subway.

A segunda é que você deve prestar atenção às linhas e estações de entrada, pois em uma mesma plataforma passam mais de uma linha que levam a lugares diferentes, e ainda que sob o mesmo nome de estação, cada entrada de estação pode levar você para um sentido diferente da cidade. Leia as placas antes de descer as escadas.

Os taxis também possuem um preço razoável, apenas tome cuidado para não pegá-lo em horários de pico. Ele pode não sair do lugar e o taxímetro estará rodando. Apenas como exemplo, durante a viagem do Zuppy a Nova York, ele me disse que gastou cerca de 10 dólares em uma corrida entre o Empire State e as proximidades da Port Authority Station, fora do horário de tráfego intenso.

E ainda que não mencionado acima, caminhar em New York City é uma experiência única. Você sente a cidade pulsando pelas calçadas e suas famosas Avenues. Experimente! Aposto que vai adorar!

Nova York 4
O que fazer em Nova York

Essa é uma cidade com atrações que agradam a todos os seus visitantes. Tamanha a variedade desses atrativos, que seria uma tarefa muito difícil mencionar todos nesse post. Portanto, deixarei aqui alguns dos mais visitados e que o Zuppy mais gostou de conhecer.

Estátua da Liberdade

Digite Nova York no Google e ela estará lá em muitas das fotos que aparecerem.

O presente dado aos nova iorquinos pelos franceses é considerado o símbolo da cidade e arrisco a dizer, do país!

A estátua da liberdade, com seus 93m de altura, localizada na Liberty Island, recebe visitantes do mundo inteiro. Para chegar até ela você precisa utilizar um dos ferrys que partem do Battery Park ou Liberty State Park (Nova Jersey). E a visita pode ser feita até o pedestal ou até a coroa. Vai depender o tipo de ingresso que você adquirir.

Lembre-se que para visitas à coroa, é necessária uma reserva prévia. Dê uma olhada no site – www.statuecruises.com

Ellis Island

Foi aqui que aportaram os primeiros imigrantes europeus, no século XIX, em busca de novas oportunidades em solo americano. Uma espécie de posto se encarregava de examinar os imigrantes para identificar doenças já existentes. Hoje este edifício se transformou em um museu e expõe a seus visitantes documentos e fotografias originais desse período.

Times Square

Outra grande representante da cidade e uma das praças mais famosas do mundo. A Times Square atrai os visitantes principalmente à noite, quando é possível ver em todo o seu esplendor os gigantescos e luminosos outdoors divulgando filmes, musicais da Broadway, marcas internacionais de roupa, notícias e até informações da bolsa de valores.

Pode ser também que em uma das noites em que passar por lá, veja um certo cowboy apenas de cueca, chapéu e um violão, tirando fotos com turistas. Esse é o conhecido Naked Cowboy. Você vai notar se ele estiver por perto, tamanha a multidão que estará em volta dele.

Próximo a Times Square, encontra-se também uma fantástica loja da M&Ms. Vale uma visita!

Broadway

É inadmissível sair de Nova York sem antes assistir a um dos incríveis musicais da Broadway. Existem cerca de 40 teatros que pertencem a esse circuito, próximos a região da Times Square, que apresentam espetáculos como o Rei Leão, Fantasma da Ópera, Homem Aranha, e muitos outros.

A produção é sensacional e o show emocionante. Alguns desses musicais não se restringem apenas á área do palco. Às vezes, cenas acontecem fora dele, como o Homem Aranha que chega “voando” ou o lustre do Phantom of the Opera que, em um determinado momento, parece até que cairá em cima de sua cabeça.

Distrito Financeiro

Importante região na história e vida financeira do país e de mundo. Quem nunca ouviu os noticiários falando da alta e baixa da Bolsa de Nova York? Ela está aqui, nessa região.

Além dela, você poderá ver também a famosa estátua do búfalo dourado (Charging Bull) na Boeling Green, símbolo da Wall Street. Próximo, estarão também o Museu Nacional de História Indiana Americana, Federal Hall, a Capela St Paul e a igreja Trinity Church, em estilo neo gótico, rodeada de arranha céus e que possui um cemitério que vale uma visita.

Memorial 11 de Setembro

Ainda dentro da área do Distrito Financeiro, esse memorial relembra o fatídico atentado do dia 11 de setembro de 2011 em que as Torres Gêmeas (World Trade Center) foram destruídas. No lugar de ambas as torres encontram duas espécies de piscinas e ao redor, placas de mármore com os nomes das vítimas gravados.

Museus

Existe uma grande variedade de museus em Manhattan, de todos os tipos. Mas os mais visitados são: Metropolitan Museum (MET), Museu de História Natural, Guggenhein e MOMA (Museu de Arte Moderna).

Beirando o Central Park, um trecho da 5ª Avenida é inclusive chamado de Museum Mile. Aqui estão dois dos acima mencionados e alguns outros museus como o Museu da Cidade de Nova York e Jewish Museum.

Ponte do Brooklyn

Passeio interessante é cruzar a ponte de bicicleta, mas o Zuppy achou mais interessante fazê-la a pé. São apenas 2Km e essa opção será bem mais interessante se você quiser tirar fotos durante o percurso.

Se começar em Manhattan, ao terminar de cruzá-la, vá até o Brooklyn Bridge Park Greenway para ter uma visão espetacular da ilha de Manhattan. E se isso acontecer no momento em que o sol se põe e você puder ficar até as luzes se acenderem, melhor ainda!

Central Park

Cenário de filmes como Esqueceram de Mim, Um Dia Especial e Mensagem para Você, o Central Park garante sempre ótimas fotografias, seja no verão, outono, primavera ou mesmo quando está coberto por toda aquela neve e o Trump Wollman Rink, ringue de patinação, é aberto ao público.

Você pode conhecê-lo à pé, de bicicleta e até em um passeio de carruagem. Em um dia ensolarado, se tiver tempo, pense na possibilidade de fazer um agradável pic nick e observar as pessoas que por ali passam.

Edifícios Importantes

Olhe para o alto, sem medo de ficar com dor no pescoço depois e aprecie edifícios importantes como o Chrysler Building, The Trump Building, Beekman Tower, Empire State Building e Top of the Rock no Rockefeller Center. São todos grandes ícones do desenvolvimento arquitetônico em Nova York.

Os dois últimos mencionados, oferecem visitação até o topo, onde é possível ter uma impressionante vista da ilha de Manhattan, durante o dia e à noite.

Chinatown

Uma das maiores e mais antigas comunidade chinesas fora da China, a Chinatown nova-iorquina te teletransporta para o mundo oriental com uma grande variedade de restaurantes, produtos típicos e claro, chineses que caminham rapidamente de um lado para o outro.

Aproveite para conhecer o templo budista Manhayana Buddhist Temple e caminhar pelas principais ruas dessa região como a Canal Street e Mulberry St.

Little Italy

A poucos passos da Chinatown você poderá conhecer a pequena comunidade italiana que existe em Nova York, a Little Italy. Antigamente frequentada pelos conhecidos gangsters, desse período, hoje restam apenas os saborosos cafés e restaurantes que servem variadas massas, brusquetas, pizzas e outras delícias italianas.

Vale fazer um almoço por aqui em um de seus dias por New York City.

Chelsea

Mais um bairro que vale a visita. O Chelsea, bairro alternativo, com suas galerias de arte e mais moradores do que turistas, oferece além de agradáveis passeios por suas ruas menores, atrativos como a High Line e o Chelsea Market.

Esportes

Uma experiência diferente! Verifique qual é o esporte com temporada em vigor no período de sua visita e compre um ingresso. Que tal assistir a um jogo de futebol americano ou uma partida de baseball dos Yankees?

Mas tente comprar com antecedência, para não pagar muito caro.

Nova York 5
Dicas

Se não fizer questão de entrar na Estátua da Liberdade, saiba que existe um ferry gratuito que parte de Manhattan para Staten Island e passa perto da estátua o suficiente para tirar fotos e observá-la.

Outra dica bem legal é comprar seus ingressos da Broadway na TKTS. Aqui é possível encontrar ingressos com descontos para os musicais, no mesmo dia em que eles acontecem. Mas lembre-se, não existe garantia de que o show que você quer assistir vai ter ingressos disponíveis para ser vendido dessa forma. Um dos pontos de venda está na Times Square, embaixo das escadas vermelhas.

E caso planeje visitar muitos museus por lá, considere os chamados “pass” de Nova York. Eles garantem alguns interessantes descontos para certos atrativos. Dê uma olhada no The New York Pass e New York City Pass.

Links externos

www.nycgo.com

Nova York

Seja o primeiro a comentar

Ninguem comentou ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Comente aqui

Pergunta de Segurança (CAPTCHA) *

    Destinos mais procurados

  1. Saiba aqui o que Buenos Aires tem de “tan querida”
  2. Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK) – New York
  3. Dicas de como preparar sua bagagem de mão em uma viagem internacional de longa duração
  4. Conheça a cidade de Londres
  5. Lugares para curtir a neve em Julho
  6. Fortaleza, Ceará